Pastelaria La Mallorquina

La Mallorquina, desde 1894 no marco zero

Estamos diante de um dos estabelecimentos mais antigos no que diz respeito a confeitaria artesanal de qualidade. A confeitaria (pastelaria) La Mallorquina, localizada em Madrid, na esquina da Porta do Sol com a rua Mayor. Um local que já viu passar de tudo: pessoas, acontecimentos, badalações. Do cliente fiel ao turista ocasional, das pessoas comuns aos artistas mais reconhecidos. Doce testemunha.

Falar da Porta do Sol em Madrid é falar de grande fluxo de pessoas, de turismo, de visita obrigatória. É um verdadeiro ponto de encontro, o marco zero para começar a andar, para começar a contar e para visitar a capital da Espanha. Ali se localiza La Mallorquina, desde 1894.

Todos a conhecem! Confeitaria artesanal e tradicional mais antiga do centro de Madrid. Sua principal característica é seu grande movimento. Seu produto, o pastel, e em sua variedade, o creme napolitano e a bomba de nata. Sua Rosca de Reis é fantástica.

La Mallorquina é uma das pastelarias mais antigas da Espanha. Fundada em 1894 e ocupando um lugar privilegiado no coração do centro madrileno, na esquina da Porta do Sol com a Rua Mayor, no marco zero da capital. Todo mundo conhece esse lugar por seus doces tradicionais feitos de maneira artesanal, que continuam fieis às suas origens. Uma longa trajetória iniciada por Ripoll, natural de Mallorca, que inaugurou o negócio. Após a guerra civil, transferiu-se a direção para quatro sócios, dois irmãos da família Quiroga e outros dois irmãos da família Gallo, que tocaram a empresa daí em diante. Tomou-se o cuidado de respeitar o estilo e princípios de qualidade estabelecidos pelo proprietário original. O produto é feito com cuidado, elaborado com matérias primas selecionadas e de qualidade, mão de obra qualificada a cargo de profissionais experientes da pastelaria, equipamento e maquinário de nova geração, que tem permitido dar uma resposta de acordo com o novo consumo do século XXI.

Hoje, a loja esta em mãos de Isabel Díaz, Zazo, atual encarregada da loja, vinculada ao estabelecimento desde 197 e diretora da pastelaria a vinte anos. Isabel pode contar umas mil anedotas do dia a dia, extraídas de seu contato com um publico fiel, desde o mais conhecido ao mais comum, do habitual ao esporádico. Trabalhar em contato direto com o cliente não é fácil. Exige vocação. Os tempos mudaram e o consumo também. Deve-se levar em conta a idade, o tipo de pessoa que entra ou frequenta a loja. Isabel, da loja, tem sido testemunha de muitas mudanças, sociais, politicas. Feitos históricos também; manifestações e reivindicações, celebrações, vitorias esportivas ou, a cada fim de ano, as tradicionais e doces badaladas.

Isabel guarda muitas memórias, tais como gestos inesquecíveis de personagens relevantes da vida pública: políticos, membros da família real, atores de cinema, teatro, escritores ilustres... que são apenas mais um em meio a sua clientela habitual. Todos eles têm contribuído para que La Mallorquina permaneça ao longo de tantos anos fiel a pastelaria artesanal.

Na cozinha de La Mallorquina cabe destacar o trabalho de mestres artesãos pasteleiros e padeiros como Juan Manuel Jiménez, Alberto Bartolomé y Jesús Carrasco, responsáveis pelos produtos do estabelecimento.

Entre as estrelas da casa, se destacam “la bolleria” como especialidade mais apreciada pelo publico. Por exemplo, cremes napolitanos, variedades de massas amanteigadas, croissants, e massas folhadas. Tudo que é tipo de pasteis e tortas. Com certeza, em datas especiais como Natal não podem faltar as roscas de reis, que normalmente o cliente já começa a provar na própria Porta do Sol, a caminho de qualquer chocolatería.

Recentemente o estabelecimento decidiu incorporar algumas mudanças em seu maquinário. Instalou definitivamente alguns fornos da empresa Sveba Dahlen, que vieram substituir os antigos, de mesma marca. Depois de 35 anos funcionando com rendimento pleno, os profissionais dessa pastelaria decidiram comemorar o funcionamento dessas novas invenções que lhes permitirão trabalhar com a qualidade, velocidade e volume que seu publico esta acostumado. Se trata de fornos que funcionam de modo fácil e seguro, com aval de qualidade e tecnologia suecas ao alcance do profissional.

Enfim, totalmente recomendável. Uma das esquinas mais famosas, e porque não dizer, únicas de Madrid! Aquele que busca um lugar tranquilo e solitário pode esquecer! Em La Mallorquina é quase impossível achar espaço e chegar até o balcão, porém passar por esse local é visita obrigatória. Isso sim é imortalizar o momento, porque é uma loja com sabor autentico, daquelas que parece que o tempo nunca passa.